Diante do elevado número de áudios divulgados, falsamente, em nome de profissionais de medicina vinculados a instituições de saúde de grande reputação técnica em nosso país, áudios esses que têm gerado pânico, desinformação e insegurança na população brasileira, a INICIATIVA FIS (www.fis.org.br) apela a todos os brasileiros que evitem as repostagens nas redes sociais de áudios de qualquer origem ou pessoas, que tratem de informações sobre número de pacientes, infectados ou mortos, em decorrência da Covid-19.

O sistema de saúde brasileiro, público e privado, está fazendo um grande esforço para se ajustar a essa nova realidade sanitária, e, assim, atender a todos os que, realmente, tiverem necessidade de hospitalização.

Agindo assim, estamos assumindo a responsabilidade social que todo cidadão tem obrigação de exercer, nessa hora tão difícil para todos nós.

Somente o Ministerio da Saúde e as autoridades sanitárias estaduais têm autoridade para divulgar dados oficiais dessa epidemia.

Cumprindo todas as recomendações do Ministerio da Saúde para se evitar a transmissão da doença, já estaremos dando, cada um de nós, uma grande e indispensável contribuição.

O site do Ministerio da Saúde (www.saude.gov.br) publica e atualiza, diariamente, todas as informações sobre a evolução da epidemia.

Não permita que a irresponsabilidade de alguns, que publicam “fake news“, para gerar insegurança e pânico, vença a racionalidade e a esperança de que, bem informados, conseguiremos vencer essa guerra sanitária contra essa terrível pandemia.

SEJAMOS TODOS RESPONSÁVEIS.

Mar 18, 2020 | Fonte: Iniciativa FIS

Compartilhe em suas Redes Sociais