Mais anos de vida E mais vida aos anos – Alfredo Martinho

Peter Diamandis, em mais um artigo que compartilho abaixo, e sua obsessão (podemos assim dizer?) em busca de “desafios a superar” dentro do espectro turbulento de nossas vidas, vem, constantemente nos oferecendo inúmeras opções de solução a esses desafios.

Nesse artigo de hoje, sobre mentalidade de longevidade, aborda uma questão fundamental que acossa nossos sonhos como espécie, que é o domínio sobre a variável do tempo, senhor absoluto dos processos vitais.

O mito da eterna juventude, foi inspirado na estória das águas do rio que saia do Monte Olimpo, vindo dos Deuses, que seriam capazes de imortalizar aqueles que a bebessem. Até mesmo Alexandre o Grande, num conto hebraico, teria buscado esse rio da imortalidade.

Muitos anos se passaram e estamos aqui na época atual, com os avanços da ciência da longevidade, tendo em David Sinclair, pesquisador de Harvard, validando esse tema, como seu expoente mais ilustre.

A importância do sono, das dietas e dos exercícios fazem uma dobradinha com avanços na biotecnologia (terapias genéticas, CRISPR, medicamentos celulares) com potencial de retardar ou reverter o envelhecimento. O toque a mais que Diamandis nos apresenta nesse artigo é sobre a importância de desenvolver o que ele chama de mindset (palavrinha da moda) da longevidade

Enquanto isso tudo não está tão à mão, é bom que você saiba de uma realidade que enfrentamos no dia a dia, por exemplo, vocês conhecem esse nosso curso abaixo?

Idoso no Hospital: Cuidados e Custos – 30h

Boa leitura!

Você tem uma mentalidade de longevidade? Peter Diamandis

Quanto tempo você vive depende de muitos fatores, incluindo sua mentalidade. 

Você pode desejar até a morte … ou desejar uma expectativa de saúde mais longa.

Pode parecer óbvio, mas regularmente ignoramos a formação de nossa mentalidade e apenas aceitamos o que temos.

Minha missão é transformar a maneira como você pensa – transformar sua mentalidade em torno de muitos fatores, incluindo a longevidade. 

Dar a você evidências esmagadoras dos avanços médicos massivos que irão estender seu healthspan.

Então, o que molda sua mentalidade de longevidade?

Hoje, quero compartilhar 6 áreas que você pode impactar hoje.  

Vamos mergulhar …

6 ÁREAS PRINCIPAIS QUE VOCÊ PODE IMPACTAR HOJE

# 1) O que você acredita:  em uma extremidade do espectro, você vê a vida como curta e preciosa – você se considerará com sorte se chegar aos 75 anos. Na outra extremidade, você está focado em fazer “100 anos de idade os novos 60.” Você vê o envelhecimento como uma doença e acompanha ativamente os avanços na biotecnologia (por exemplo, terapias genéticas, CRISPR, medicamentos celulares) que têm o potencial de retardar ou até mesmo reverter o envelhecimento.

# 2) O que você lê / seu consumo de mídia:  o tipo de mídia que você consome (por exemplo, livros, blogs, notícias, filmes) afeta diretamente sua visão da vida – para melhor ou para pior. Você está lendo os obituários para rastrear velhos amigos? Ou lendo livros como “Lifespan” de David Sinclair, blogs como este, ou feeds de notícias como FutureLoop? Você está se mantendo atualizado sobre os últimos desenvolvimentos em longevidade?

# 3) Sua comunidade:  as pessoas com quem você passa o tempo moldam quem você é e o que você faz. Em uma extremidade do espectro, você só sai com pessoas mais velhas que falam constantemente sobre envelhecer e se preocupam com a morte. No outro extremo do espectro, você passa tempo com pessoas que são otimistas e jovens (física ou mentalmente) e que buscam ativamente a longevidade.

# 4) Sono: o sono é fundamental e crítico. Um ótimo livro que detalha isso é “Why We Sleep” do Dr. Matt Walker. Na verdade, fisiologicamente precisamos de 8 horas. Você acredita no lema “Há muito tempo para dormir quando estou morto”? Ou você prioriza o sono e usa as melhores técnicas para ajudá-lo a conseguir 8 horas de sono saudáveis?

# 5) Dieta:  Há verdade no ditado que “Você é o que você come”. Você come o que quiser, quando quiser? Você está acima do peso, comendo muito açúcar? Você moldou sua dieta intencionalmente, com uma dieta sem açúcar / ceto ou vegana? Ou você explorou e dominou o jejum intermitente para maximizar sua energia e longevidade?

# 6) Exercício:  junto com sua mentalidade, sono suficiente e uma dieta saudável, os exercícios são fundamentais para a longevidade. As pesquisas mais recentes sobre longevidade deixam claro que o aumento da massa muscular é fundamental. Em uma extremidade do espectro, você não se exercita de forma alguma. Mas, na outra extremidade, você considera o exercício uma obrigação. Você se exercita pelo menos três vezes por semana, por exemplo, treinamento intervalado e levantamento de peso. Talvez você até tome peptídeos para impulsionar naturalmente seus hormônios de crescimento para aumentar a massa muscular.

Onde você pode melhorar? O que seria necessário para melhorar?

Em última análise, a ciência continuará a estender nossa vida humana saudável. Nosso trabalho não é morrer de algo estúpido nesse ínterim … 

Compartilhe em suas Redes Sociais